quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

Sabedoria da paz

Em Jô 28, diz o que o homem pode fazer... Diz o que o homem acha valioso... E diz que a sabedoria, está acima de tudo que o homem conhece ou pode comprar, e que só Deus tem acesso....

Já no novo testamento diz

Quem é sábio e tem entendimento entre vocês? Que o demonstre por seu bom procedimento, mediante obras praticadas com a humildade que provém da sabedoria. Contudo, se vocês abrigam no coração inveja amarga e ambição egoísta, não se gloriem disso nem neguem a verdade. Esse tipo de “sabedoria” não vem dos céus, mas é terrena; não é espiritual, mas é demoníaca. Pois onde há inveja e ambição egoísta, aí há confusão e toda espécie de males.  Mas a sabedoria que vem do alto é antes de tudo pura; depois, pacífica, amável, compreensiva, cheia de misericórdia e de bons frutos, imparcial e sincera. O fruto da justiça semeia-se em paz para os pacificadores.
Tiago 3:13‭-‬18 NVI

Essa escritura é incrível pois explica claramente o que dirige nossas vidas!
Se é a sabedoria de Deus, ou nosso ego!

Quando só nossa opinião importa, quando o impostos nossas vontades, agimos com orgulho, isso só gera guerra, conflito, raiva, repulsa, pois o outro, o próximo, nem sempre que o que queremos, nem sempre aceita o que desejamos...

Mas a sabedoria de Deus se baseia na paz, na misericórdia, na aceitação do livre arbítrio, no amor para que possamos ter sempre conversas amáveis, pacíficas, prazerosas pois entendemos, sentimos, simpatizamos com o outro, buscamos a empatia, sem julgar, muito menos condenar, e amamos sinceramente a vida do próximo, e vivemos juntos a paz, pois nos tornamos pacificadores.

O que abrigamos no coração?
Ódio ou amor?
Amarguras ou sonhos?
O que realmente há em nossos corações?
Quem realmente somos?
Pacificadores ou egoístas em busca constantemente de conflitos, guerras por qualquer motivo, só para nós sentirmos por cima, nos acharmos melhor, por defender nossas opiniões???

Quando você fala, quando abre a boca, todos gostam de ouvir? Suas conversas são construtivas? São edificante? Ensinam? Amam? Mostra interesse pela vida do próximo? Você só fala de si? Ou nunca se expõe com sinceridade apenas para se parecer forte, se parecer melhor?

Como são suas conversas com todos?
Há alguém com quem você não gosta de conversar?
Porque?
O que incomoda?
O que há em seu coração sobre essa pessoa?
Quais julgamentos?
Quais preconceitos?
Quais mágoas?
Há traumas?

O quanto você vai orar por isso?
O quanto você irá buscar temor a Deus para alcançar essa sabedoria?

Disse então ao homem: ‘No temor do Senhor está a sabedoria, e evitar o mal é ter entendimento’ ”.
Jó 28:28 NVI

Seja um pacificador, sábio e misericordioso, como Jesus foi!

terça-feira, 5 de fevereiro de 2019

Torneira

O mundo da voltas...
Para alguns isso tudo é apenas coincidência...
Mas eu vejo a mão de Deus apenas me apontando, e me fazendo lembrar:
"Está vendo, você esteve aqui quando era jovem, você estudou aqui, aprendeu aqui, teve seus primeiros sonhos profissionais aqui, e agora está realizando projetos aí perto"

A vida é feita de escolhas!

Uma semente plantada em 1997, ano que entrei na FEI, para cursar engenharia elétrica, da frutos agora, cerca de 22 anos depois, meu primeiro produto de hardware!

Sementes que plantei no Colégio Singular, me deram frutos mais rápido, me permitiram ter uma carreira, de programador, de empresário, e viabilizaram muitos sonhos...

Também já pude colher frutos da engenharia da computação na USJT e da pós graduação de engenharia de software na UNINOVE, que me permitiram amadurecer como profissional, ter um salario melhor, e ter meios para regar sonhos antigos.

Sou grato a Deus, por cada oportunidade vencida.
Grato a minha família, esposa, filhas, pais, por compreenderem minha dedicação, e todo tempo investido.

E que Deus continue abençoando e fazendo multiplicar os frutos do estudo.

domingo, 27 de janeiro de 2019

O que te move para Deus

Eistein
"Insanidade é continuar fazendo as mesmas coisas e esperar resultados diferentes"

O que te motiva?
Podemos ser motivados por medo, ou por interesse...
A gratidão pode nos motivar quando queremos retribuir o que ganhamos!

A gratidão é a motivação mais duradoura.

Ef1:3-14

Veja todo que Deus já vida deu!

O que tem nos novo a buscar a Deus?

A graça de Deus deve ser nosso principal motivador!

Não façam nada por interesse pessoal ou por desejos tolos de receber elogios; mas sejam humildes e considerem os outros superiores a vocês mesmos.
Filipenses 2:3 NTLH

Cl1:27-28

Cl3:13

1Pe2:9-12

quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

Teoria

Quantas respostas há para a pergunta:
Qual seu nome?
Bilhões de respostas, certo?
Pois a resposta depende para quem pergunto!
E mesmo assim, para a mesma pessoa a pergunta ainda pode ter respostas diferentes de acordo com o ambiente, você pode responder apenas o primeiro nome para seus amigos, ou seu nome completo quando vai ao banco por exemplo...

Isso porque cada pessoa e local são parâmetros para a resposta, ou seja, em teoria poderíamos equacionar para esse simples exemplo:

Resposta = Pergunta: "qual seu nome", onde, "seu" é a pessoa alvo da pergunta, e
"nome" é um conjunto de respostas que varia de acordo com quem pergunta.

Então acima temos um teoria formada, que equaciona, que representa uma simples pergunta, que é uma das primeiras que qualquer ser humano  aprende a ouvir e falar, a partir de um ano de idade...

Daí agora pense em outras perguntas que você recebe todos os dias, ou faz todos os dias, pense uns minutos, e tente equacionar, pense no número infinito de respostas...

Pensou?

Agora imagina então perguntas mais profundas como:

1. Qual o sentido da sua vida?
2. No que você acredita?
3. Qual seu maior problema?
4. Quem você mais ama?
5. Qual a origem do universo?
6. Qual seu vício?

Imagine, o número de variáveis, de possibilidades, para equacionar e escolher uma resposta, para qualquer uma destas perguntas!

E ainda posso corromper a intenção da pergunta, respondendo com outra pergunta, por exemplo:

1. Porque a vida precisa ter um sentido?
2. Porque preciso ter uma fé?
3. Porque saber do meu maior problema se você não vai resolver!
4. Para que amar?
5. O que vai agregar em minha vida saber isso?
6. O que são vícios, se não a fuga de alguma realidade, e hoje creio que Facebook, novelas, Netflix, internet, podem ser mais prejudiciais que muitas produtos como álcool, nicotina, maconha, cocaína...

Em fim, antes de responder perguntas, julgamos, validamos, inserimos nossos valores, conceitos e preconceitos, medos, sonhos, vontades....

Mas vamos terminar com algo mais simples, que creio que todos precisam saber responder em teoria....

Porque estudar?

Pense um pouco...
E para cada resposta questione-se...
Refletiu já???
.
.
.
.
.
A questão é na verdade está em entender o que o estudo proporciona, o que o estudo gera em quem realmente quer aprender!
Tudo, qualquer coisa em si, fazer por fazer algo, sem um sentido não produz nada! É efêmero!

Tem gente que vai à escola, para comer merenda, ou para fazer amizades, ou namorar, o estudo que seria objetivo principal, se torna a desculpa, ou a parte chata, à obrigação!
Afinal estamos sempre buscando o que nos falta em qualquer lugar, inclusive na escola, ou ao redor da escola, ou bem longe da escola...

Mas um urso, um leão, ou qualquer animal; porque não precisa estudar?
Porque só o ser humano, se diz ser civilizado, e busca aprender, descobrir, registrar, e compartilhar tudo que lhe é relevante?
Mas algo que é relevante para uma pessoa, pode não ser para outra.
O que você posta, pública, fala, pode ser totalmente inútil para outros... Por outro lado quem curte nossas postagens, nossas conversas, se mostra com os mesmos interesses!

Mas quais são os seus gostos?
Quais são os seus interesses?
Como você adquiriu essas preferências, essas experiências e conhecimento?
Será que existem outras coisas que você irá gostar na vida que ainda não conhece?
Como e quando você acha que irá descobrir algo novo que lhe de muito prazer, alegria, paz, felicidade?

A família é nosso primeiro ambiente social em nossas casas onde aprendermos o básico...

Em seguida a escola nos abre a mente para a sobrevivência, afinal ninguém te ama mais do que seus pais.... Lá vamos aprender a sobreviver, a competir, a aceitar ordens e desconhecidos, horários, regras, conheceremos locais não seguros fora de casa, e começamos a fazer trocas de conhecimento com outros, experimentar outras coisas, fazermos amigos ou não.

E começamos a aprender com pessoas, coisas que nem imaginávamos que existia, começamos a entender a ciência, a geografia, a história do mundo ao nosso redor, ganhamos um poder ilimitado ao aprender a ler e escrever, pois poderemos aprender lendo e buscando qualquer coisa! O aprendizado abre a mente para muitas novas possibilidades, aprendemos a calcular, a planejar, a se organizar financeiramente, a ter agenda, a realizar nossas vontades, trabalhando, e ganhando dinheiro.

Descobrimos que os limites físicos e geográficos podem ser superados  com algum meio de transporte terrestre, naval, aéreo e até espacial, e que os limites culturais e linguísticos também podem ser vencido aprendendo idiomas e entendo a história dos países.

O estudo nos abre janelas, nos abrem possibilidades, nos permite ter escolhas, nos liberta e nos fazem maior e assim o mundo se torna menor!

E estudando aprendermos não só o conteúdo, interagimos com professores e alunos, com funcionários, nos deslocamos, e tudo isso é vivo, orgânico, nos faz ter sentido, pois absorvemos e somos absorvidos, nos faz nos sentir útil, amigo, amado, necessário no sistema da vida, trabalhando produzindo resultados frutos do conhecimento, e recebendo recursos que realimenta o ciclo, recursos que nos permitem viajar, ter mais conhecimento nos permite mudar de emprego, mudar de carreira, viver em constante evolução, tendo novas aventuras, conhecendo sempre mais pessoas e lugares, livre para escolher o que fazer, quando fazer e como fazer!

Sem estudo temos apenas que acertar o que aparece eventualmente em nossa rotina, sem descoberta, em um tédio que nem sabemos o que é!

Liberte-se estude!

quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

Pratos e Cenouras

A quase duas décadas, trabalho próximo a direção de empresas, como empresário, freelancer, ou funcionário, meu cliente ou chefe geralmente é o dono da empresa, ou um dos sócios... E há de tudo quando é tipo de pessoas... Boas, más, pilantras, espertalhões, egoístas, legais, amigos, evangélicos, ateus, parceiros, e sangue sugas... Em fim, pessoas, com seus medos e sonhos, com seus problemas ou propósitos, em busca de alguma solução tecnológica que eu possa desenvolver...

E nós últimos anos tenho ouvido duas frases que tem me direcionado e também me feito questionar muitas coisas:

1) "Não deixe os pratos caírem"
Já viram aquele garçom que retira os pratos sujos da mesa empilhando e encaixando os pratos sujos uns nos outros?
Sempre que vejo eu penso "eu não consigo fazer isso"... e continuo... "Se eu tentar cairá tudo"...
Assim é na vida...
Ao olhar a vida de algumas pessoas, julgamos melhor ou pior, achamos que faríamos melhor ou pior...
Mostramos o nosso orgulho, quando nos achamos melhor, mais capaz, do que outros... E mostramos nossa real incapacidade principalmente de amar quando admitimos que não queríamos estar na pele, na vida, de pessoas terminais, ou com parentes, filhos, conjuges em estado de total dependência, seja pois doenças ou acidente...

Mas a cada fase da vida, pegamos outros pratos sujos e vamos empilhando, já tantos problemas que temos que resolver, a tantos pratos que precisamos lavar, e aí é que está o segredo, limite, regras, e força...
Cada pessoa tem sua capacidade de suportar peso, de aguentar a dor, de resolver problemas, e cada coisa é como um prato...
Temos que levar os pratos para serem lavados, não adianta acumular, isso irá apenas estourar um outro limite, se não temos a competência de resolver certo problema, não deveríamos pegar esse problema para resolver, pois apenas vamos arrastar esse problema, e constantemente ele irá nos acusar: "estou aqui"...

Muitas vezes a "depressão" é só um sintoma do "stress", que é um cansaço enorme, de quem não aguenta mais carregar tantos pratos, tantos problemas, tantas decisões e responsabilidades.

Largar os pratos, deixar tudo cair, irá causar um prejuízo enorme, pois alguns pratos significam vidas, famílias, carreiras, propósitos, sonhos, e deixar cair, deixar quebrar é algo tão inaceitável, que me faz entender o motivo de tantos suicídios... Afinal foi uma vida construindo algo, tantos anos, e abrir mão, abandonar, aí sim dá sim para entender o que Jesus quiz dizer:

Se alguém vem a mim e ama seu pai, sua mãe, sua mulher, seus filhos, seus irmãos e irmãs e até sua própria vida mais do que a mim, não pode ser meu discípulo. E aquele que não carrega sua cruz e não me segue não pode ser meu discípulo.
Lucas 14:26‭-‬27 NVI

Hoje como cristão, eu muitas vezes me sinto deprimido e estressado, e também vejo muitos outros irmãos em meio a tantos problemas em suas vidas pessoais, financeira, saúde, família, mas que tudo isso não passam de pratos que decidimos carregar, em vez de simplesmente carregarmos nossa Cruz!
Perdemos o foco que é limpar os pratos, e queremos apenas empilhar e carregar os pratos, saímos até desesperados tentando recolher mais pratos, ajudando a próximo, quando não estamos dando conta nem do que já temos...
Dividimos o que temos com tantos, e depois esperamos que outros dividam conosco quando nos falta, criamos muitas expectativas e consequentemente carregamos o prato da frustração, e este nunca entregamos para ser limpo, assim como os pratos da falta de perdão, e de tantos outros pecados que estamos sempre carregando...

Em fim, está casado? Está deprimido ou estressado? Ou frustrado? Ou quer crescer e ter mais responsabilidade?

Cuide bem dos seus pratos, das suas ovelhas, das suas responsabilidades, leve para Cristo, busque ajuda, aprenda a habilidade, a competência que você precisa para resolver os problemas, e pare de amontoar, e comece a lavar, a resolver os problemas, sonhe, planeje, busque ajuda, mas resolva, se não uma hora vai cair, e vai doer só em você! Não perca o foco, a cruz, seja coerente com sua vida e com sua fé, faça acontecer, resolva os problemas da forma que cada solução passa ser contada como um testemunho, como uma obra de Deus, como um milagre, pois só Deus mesmo poderá te fazer ter sucesso, pois sem ele não somos nada!

2) "cenoura na frente ou atrás"
Desculpe, como disse trabalho com todo tipo de pessoa, e essa frase tem sim conotação sexual, pejorativa, humilhativa, mas diz muito sobre motivação, sobre o que realmente move as pessoas!
A falta de algo faz a pessoa ir...
Ou o medo de algo também motiva...

Muitos vão para a fé, para a igreja pelo medo, ou pelo desejo...

Medo do inferno, do divórcio por infidelidade, de não saber educar os filhos longe de drogas e tanta maldade...

Ou por querer prosperidade, um casamento com um cônjuge que nunca irá trair por causa da fé, uma família perfeita estilo "comercial de Doriana"...

Em fim entender e saber nossas motivações nos permitem fortalece-las, muda-las, ou pelo menos questiona-las, afinal o tempo passa, temos percas e vitórias, e nem sempre nossos objetivos se mantém, e talvez nem devam, estamos mudando constantemente, e as coisas ao nosso redor também, assim o que te motivava, pode ser que não te motive mais, assim como seus sonhos ou necessidade podem ter mudado, e suas motivações sejam agora incoerente causando mais conflitos, e desiquilibrando a pilha de pratos.

Finalizando!
Nenhum problema, sonho, falta, pode ser mais que carregar sua Cruz!
Somente assim teremos uma vida de paz, pois nossa felicidade está em Deus, e não nos resultados dessa vida.

Por isso alinhe seus propósitos com o que é dá vontade de Deus!
Sua vida emocional, familiar, profissional tem que ser coerente com a vontade de Deus! E sua principal motivação tem que ser o céu, e ser a luz e o sal da terra, para dar bons testemunhos de como conseguimos lavar tantos pratos, e assim até outras pessoas irão querer levar seus pratos para Jesus lavar, nascendo para uma nova vida!

segunda-feira, 10 de dezembro de 2018

Plantar e Colher

Há tempo de nascer, e tempo de morrer; tempo de plantar, e tempo de colher.
Eclesiastes 3:2 NVT

... A pessoa sempre colherá aquilo que semear.
Gálatas 6:7 NVT

Por mais óbvio que esses ensinamentos são, cada vez mais vejo gente querendo colher sem plantar! Querendo ter bons salários sem estudar, sem se esforçar! Querendo ter amor sem amar! Querendo apenas receber sem nunca dar nada! Querendo ser entendido, compreendido sem compreender o próximo!

..., os que cultivam a maldade e semeiam a opressão, isso também é o que colhem.
Jó 4:8 NVT

Por outro lado, vejo muita gente se esforçando muito, e não conseguindo colher, porque??? E vejo que falta coerência!!! Que alguns trabalhos não fazem sentido com outras coisas que a pessoa faz!!! A pessoa junta pela manhã e espalha a tarde! Muita gente não domina seus sentimentos, suas emoções e se tornam escravas de situações, e entram no ciclo do fracasso, trabalhando sem produzir nada além de cansaço, tristeza e depressão!

Queremos saúde: fazemos academia, exercícios, mas comemos tranqueira, e tantos venenos, além dos vícios.

Trabalhamos tanto para sustentar a família, mas acabamos deixamos a família de lado pois estamos tão caçados de tanto trabalhar.

Envelhecemos sem saúde, pois negligenciamos consultas preventivas.

Gastamos tanto com futilidades desnecessárias pois não controlamos a ansiedade, e deixamos faltar o básico!
Ficamos até sem comida, mas não sem internet!

Tudo que sobra gastamos, e nunca reservamos um pouco do dinheiro para imprevistos da vida!

Precisamos planejar e viver com coerência para ter sucesso! Não podemos plantar amor e ódio no mesmo terreno, não podemos ser cristão e desprezar pessoas, ser partidário, só fazer o que queremos ou só o que gostamos, só o que nos dá vontade!

Precisamos de coerência!

Obedeçam a todos os meus decretos. “Não cruzem dois animais de espécies diferentes. Não plantem em seu campo duas espécies de sementes. Não usem roupas tecidas com dois tipos de pano.
Levítico 19:19 NVT

Quando foi a última vez que você chorou?
Quando foi a última vez que alguém entrou no seu caráter e te podou?
Quem você tem ajudado e quem tem te ajudado, da mesma forma!
Precisamos aprender a dar e receber, ajuda, conselhos, amor!

Os que semeiam com lágrimas colherão com gritos de alegria.  Choram enquanto lançam as sementes, mas cantam quando voltam com a colheita.
Salmos 126:5‭-‬6 NVT

E para terminar quero lembrar de uma fábula bem conhecida (fonte: https://inricristo.org.br/a-fabula-do-milho-premiado/)

Conta-se uma história, de que um fazendeiro bem sucedido, ano após ano, ganhava o troféu “Milho Gigante”, na feira de agricultura do município. Não dava outra: ele chegava à exposição com seu milho e saia com a faixa premiada no peito, por seu produto cada vez melhor.

Em uma dessas ocasiões, um repórter ao entrevistá-lo após um prêmio, ficou intrigado com a confissão do fazendeiro, de que partilhava a semente de seu milho – de melhor qualidade – com seus vizinhos.

Por que o senhor compartilha a sua semente de superior qualidade com seus vizinhos, quando todos os anos eles estão competindo com seu produto? – indagou o repórter.

O fazendeiro respondeu: Você não sabe, mas o vento apanha o pólen do milho maduro e o leva de campo em campo. Se meus vizinhos cultivarem milho inferior, a polinização atingirá seguidamente a qualidade do meu milho. Por isso, se eu quiser cultivar milho bom, de qualidade, eu tenho que ajudar meus vizinhos a cultivarem milho bom e de qualidade também.

O fazendeiro estava atento à conexão da vida: o milho cultivado só poderia melhorar se o produto do vizinho também tivesse a qualidade melhorada.

Esse exemplo vale para todos, e em diversas dimensões da vida. Quem escolhe estar em paz, deve fazer com que seus vizinhos também estejam em paz.

Quem quer viver bem, deve ajudar os outros para que também vivam bem. E quem quer ser feliz, deve ajudar os outros a encontrar a felicidade. O bem estar de cada um está ligado no bem estar de todos. E que todos consigam ajudar seus vizinhos a cultivarem um milho cada vez melhor!"

Concluindo, não podemos apenas pensar somente em nós mesmos, se não ajudar o próximo, a quem está ao nosso redor, não adianta nada! Jesus é perfeito no que ele ensina sobre amor... E assim devemos semear, ajudar e amar a todos!!!

Quem não te ama!?

E principalmente quem nos persegue, quem não nos ama, e assim talvez possamos fazer brotar amor, e a misericórdia no coração dos outros para a glória de Deus!

Eu, porém, lhes digo: amem os seus inimigos e orem por quem os persegue. Desse modo, vocês agirão como verdadeiros filhos de seu Pai, que está no céu. Pois ele dá a luz do sol tanto a maus como a bons e faz chover tanto sobre justos como injustos. Se amarem apenas aqueles que os amam, que recompensa receberão? Até os cobradores de impostos fazem o mesmo. Se cumprimentarem apenas seus amigos, que estarão fazendo de mais? Até os gentios fazem isso. Portanto, sejam perfeitos, como perfeito é seu Pai celestial.”
Mateus 5:44‭-‬48 NVT

Somente assim seremos realmente felizes, levando felicidade a outros por meio da misericórdia de Deus

Felizes os misericordiosos, pois serão tratados com misericórdia.
Mateus 5:7 NVT

sexta-feira, 7 de dezembro de 2018

Felicidade

Mateus 5... Felizes...

Jesus no seu sermão mais conhecido começa falando o que todos no fundo buscam: Felicidade

E como isso não é simples, Jesus da opções, da caminhos diferentes, para uma vida feliz...

Ou seja, ao contrário da salvação, que só há um caminho, há vários caminhos para a felicidade...

E o caminho começa a partir de onde estamos, de reconhecer nossas necessidades mais básicas, e ver se queremos o que Deus nos oferece para suprir essa necessidade!

Assim, como só quem tem sede, busca por água, só quem sente uma falta busca por algo... E aí está o segredo: o que está faltando a você ? ... Qual é sua necessidade?

Por isso o autoreconhecimento, a autoresponsabilidade, são fundamentais, se não aceitamos nossas necessidades, estas nunca serão supridas, e sempre viveremos tristes e deprimidos, reclamado, pois teremos constante sede, constante falta, e por não aceitar essa falta, nunca seremos supridos.

Felizes são os que reconhecem suas necessidades... em seguida Deus fará o restante!!!

Deus que dar em abundância, quer derramar, transbordar nossa vida de felicidade, o que deve nos fazer pensar em outro extremo...

Quem não sente falta de nada, ou é feliz, ou é ingrato, já esqueceu, que no fundo, não tem nada, que tudo o que temos é passageiro, incluindo nossa vida, e o máximo que podemos fazer e aproveitar a vida curta que Deus nos deu!

Por outro lado, tem tanta gente que em vez de buscar em Deus o que lhe falta, busca no mundo soluções momentâneas: empréstimos, trabalho, prazer, mentiras, traição, divórcio, drogas, violência, vícios, imoralidade, fugas... Pessoas buscam formas de fugir de suas vidas, do que lhe falta, tentando preencher essa falta, ou fugir da falta, do vazio, e caem apenas em um buraco muito mais profundo de sofrimento, com consequências piores ainda, não só para si, mas ferindo outros ao seu redor, destruindo a família, parentes, e até difamando o nome de Deus, pela hipocrisia... E quem vence no fundo é Satanás, não apenas destruindo uma pessoa, ou família, mas toda uma geração, e até uma comunidade... Porque uma única pessoa decidiu fugir para o pecado em vez de buscar ajuda para suprir sua falta, que era tão simples às vezes, era só realmente se abrir, chorar, e aceitar, vencer o trauma, o passado, resolver, ser sincero, deixar a máscara cair e se mostrar como realmente é... Como Jesus disse: pobre de espírito..., que precisa de consolo..., que tem sede... Que busca por justiça... Que quer paz... Que tem um coração puro...

— Felizes as pessoas que sabem que são  espiritualmente pobres,  pois o Reino do Céu é delas.  
— Felizes as pessoas que choram,  pois Deus as consolará.    — Felizes as pessoas humildes,  pois receberão o que Deus  tem prometido.   
— Felizes as pessoas que têm fome e sede  de fazer a vontade de Deus,  pois ele as deixará  completamente satisfeitas.   
— Felizes as pessoas que têm misericórdia  dos outros,  pois Deus terá misericórdia delas.  
— Felizes as pessoas que têm o coração puro,  pois elas verão a Deus.   
— Felizes as pessoas que trabalham pela paz,  pois Deus as tratará como seus filhos.  
— Felizes as pessoas que sofrem perseguições  por fazerem a vontade de Deus,  pois o Reino do Céu é delas.
Mateus 5:3‭-‬10 NTLH